Aprendendo Inglês Com Vídeos #184: Your Brain on Coffee

6859
8
SHARE

Aprendendo inglês com vídeos é uma série de posts em que traremos para vocês vídeos acompanhados de transcrições e traduções, pois este é um material de altíssima qualidade para qualquer estudante de inglês. A grande maioria dos vídeos virão do YouTube, assim como forma de retribuir aos criadores dos vídeos incríveis que vamos usar, pedimos que você sempre dê o seu “Gostei” no vídeo (ao clicar para reproduzir o vídeo você verá a opção “gostei” no próprio vídeo)

Your Brain on Coffee (Transcrição) 

1 – With its stimulating effects, it’s easy to understand why coffee is the second most traded commodity on earth after oil. For many, it keeps us awake and moving through our busy days. But how does it work? What exactly does coffee do to your brain?

2- Whenever you’re awake, a chemical called adenosine slowly accumulates in your brain and this adenosine binds to receptors which slow down brain activity. Ultimately, the more adenosine there is, the more tired your brain feels. Which makes sense as the longer you’re awake, the more fatigued you become. Conversely, while you sleep, the concentration of adenosine declines, gradually promoting wakefulness.

3 – But it turns out that the caffeine in your coffee is incredibly similar to adenosine in structure. The caffeine works its way through your bloodstream and into your brain where it starts to compete and combines with adenosine receptors. But because it’s not adenosine, the sleepiness effect isn’t felt. Adenosine can no longer bind, meaning its calming properties are diminished. Which is great for you when you’re feeling tired.

4 – However, with long term use of caffeine, your brain responds by creating more adenosine receptors, which means more caffeine is required to elicit the same response. It also means that when you try to quit drinking coffee or miss your daily intake, you might experience some withdrawal symptoms and feel more tired than you would have before you ever drank coffee. But the caffeine doesn’t stop there.

5 – It also stimulates the production of adrenaline – you know, the fight or flight hormone. This increases your heart rate, gets your blood pumping and even opens up your airways. Furthermore, it affects dopamine levels by preventing its reabsorption in the brain, which makes you feel happy. In fact, this is the exact same thing that cocaine does, just to a lesser degree. It’s a drug after all.

6 – This dopamine stimulation is also the aspect of coffee that makes it moderately addictive. So, can you drink too much coffee? It turns out there is a lethal dose of caffeine, which is somewhere around 150 milligrams of caffeine per kilogram of your body. This means if you weigh 70 kilograms, you require 14,000 milligrams of caffeine to overdose.

7 – Put into perspective, an average cup of coffee contains roughly 150 milligrams of caffeine. Meaning if you’re 70 kilograms, approximately 70 cups of coffee would kill you. However, you would have to drink those cups all at once, making it effectively impossible to overdose on caffeine from coffee, since you wouldn’t be able to physically fit that much in your stomach.

8 – You would also start experiencing mania and hallucinations before getting to this point. Caffeine also has a half-life of around 6 hours. So, if you drank a standard coffee with around 150 milligrams of caffeine, after about six hours, there would only be around 75 milligrams left in your system and you’ll be feeling half of the effect.

9 – And 6 hours after that, you’ll have 37.5 milligrams, leaving more room for adenosine to jump back into action, which is why you may reach for another cup throughout the day to remain that glorious alert and energetic feeling. So, drink up and enjoy the buzz while it lasts.

10 – And for all of you who are in school, while we know that caffeine is key, so are good deals on textbooks. So, we’ve teamed up with slugbooks.com to get you the cheapest prices for the books you need. All you have to do is head to 10 – slugbooks.com/asapSCIENCE and search the ISBN number of the books you’re looking for. SlugBooks will then compare prices from all across the net.

11 – Seriously, we know how expensive textbooks can be so hopefully this will save you some money. Got a burning question you want answered? Ask it in the comments or on Facebook and twitter, and subscribe for more weekly science videos.

Seu Cérebro Sob o Efeito do Café

1 – Com seus efeitos estimuladores, é fácil compreender porque o café é a segunda commodity mais vendida na terra, depois do óleo. Para muitos, ele mantém-nos acordados e movendo-se pelos nossos dias ocupados. Mas como isso funciona? O que exatamente o café faz ao seu cérebro?

2 – Sempre que você está acordado, uma química chamada adenosina acumula-se lentamente no seu cérebro e essa adenosina liga-se a receptores que retardam a atividade cerebral. Em última análise, quanto mais adenosina houver, mais cansado seu cérebro se sente. O que faz sentido já que, por quanto mais tempo você fica acordado, mais fatigado você se torna. Por outro lado, enquanto você dorme, a concentração da adenosina declina, gradualmente promovendo vigília.

3 – Mas acontece que a cafeína no seu café é incrivelmente semelhante à adenosina, em estrutura. A cafeína consegue chegar até sua corrente sanguínea e até o seu cérebro, onde ela começa a competir e combinar-se com receptores de adenosina. Mas porque não é adenosina, o efeito de sonolência não é sentido. A adenosina já não consegue mais ligar, ou seja, suas propriedades calmantes são diminuídas. O que é ótimo para você, quando você está se sentindo cansado.

4 – No entanto, com a utilização prolongada de cafeína, seu cérebro responde criando mais receptores de adenosina, o que significa que mais cafeína é necessária para elicitar a mesma resposta. Significa também que, quando você tenta parar de beber café ou perde sua ingestão diária, você pode experienciar alguns sintomas de abstinência e se sentir mais cansado do que você iria se sentir antes que você bebesse café. Mas a cafeína não para por aí.

5 – Ela também estimula a produção de adrenalina – você sabe, o hormônio do “lute ou fuja”. Isso aumenta sua frequência cardíaca, coloca seu sangue para bombear e até abre suas vias aéreas. Além disso, ela afeta os níveis de dopamina, impedindo sua reabsorção no cérebro, o que faz você se sentir feliz. Na verdade, esta é a exata mesma coisa que a cocaína faz, apenas em menor grau. É uma droga, afinal de contas.

6 – Esta estimulação de dopamina é também o aspecto do café que o torna moderadamente viciante. Então, é possível beber café em demasia?¹ Descobriu-se que há uma dose letal de cafeína, que está em algum lugar ao redor de 150 mg de cafeína por quilograma de seu corpo. Isso significa que se você pesa 70 kg, você exige 14.000 miligramas de cafeína para ter overdose.

7 – Posta em perspectiva, uma xícara média de café contém aproximadamente 150 mg de cafeína. Ou seja, se você pesa 70 quilogramas, aproximadamente 70 xícaras de café iriam matar você. No entanto, você teria de beber essas xícaras todas de uma vez, tornando efetivamente impossível a overdose de cafeína através do café, dado que você não seria capaz de armazenar fisicamente essa quantidade em seu estômago.

8 – Você iria também começar a experienciar euforia e alucinações antes de chegar a este ponto. Cafeína também tem uma meia-vida de cerca de 6 horas. Então, se você bebesse um café padrão com cerca de 150 miligramas de cafeína, após cerca de seis horas, haveria apenas cerca de 75 miligramas restantes em seu sistema e você estaria sentindo metade do efeito.

9 – E 6 horas depois disso, você teria 37,5 miligramas, deixando mais espaço para adenosina saltar de volta à ação, razão pela qual você talvez recorra a outra xícara ao longo do dia para manter aquele glorioso sentimento alerta e enérgico. Então, beba e desfrute da excitação enquanto ela dura.

10 – E para todos vocês que estão na escola, enquanto sabemos que a cafeína é a chave, igualmente são bons negócios em livros didáticos. Então, nós fizemos uma parceria com slugbooks.com para conseguí-los os preços mais baratos para os livros que você necessita. Tudo o que você precisa fazer é ir para slugbooks.com/asapSCIENCE e pesquisar o número ISBN dos livros que você está procurando. SlugBooks irá então comparar preços de toda a internet.

11 – Sério, sabemos como os livros didáticos podem ser caros, então esperançosamente isso vai lhe poupar algum dinheiro. Tem uma pergunta ardente que você quer respondida? Pergunte-a nos comentários ou no Facebook e no twitter, e inscreva-se para mais vídeos semanais de ciência.

Espero que vocês tenham gostado do vídeo de hoje e da transcrição/tradução! Como sempre, não deixem de visitar o vídeo no Youtube e dar o seu “gostei”, pois assim vocês estão ajudando o trabalho dos criadores desses vídeos incríveis! Link para o vídeo no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=4YOwEqGykDM Abração e bons estudos a todos vocês!

Receba o Resumão da Semana!

Quer receber um "Resumão da Semana" todos os sábados no seu e-mail com todos os nossos materiais e conteúdos da semana?

Jamais enviaremos e-mails não solicitados (spam)! Powered by ConvertKit
SHARE
  • Thiago Melo

    Booaa, excelente material de estudos, muito bem, rapaziada. Lá em cima bem no começo, a parte (Com seus efeitos estimuladores, é fácil compreender porque o café é a segunda commodity) ”Commodity” não tem tradução pro português?

  • Rogher Nogueira

    Já estou estudando inglês há um tempo.. e esse texto foi difícil..
    Muito bom…
    estava esperando por outro vídeo !!!

    • Fabriccio Santos

      É bom assim! haha você evolui bem mais.

  • Márcia Muramatsu João

    Ola!! Tudo bem? Comecei o curso de ingles Mairo Vergara 4.0 e paralelamente acompanho as matérias deste site. Seria possível publicar alguns artigos para iniciantes?

    • Fabriccio Santos

      Existem vários vídeos da série que são mais fáceis para iniciantes 😀

  • Odi Loewenberg

    mairo Veigara, i will tell youu in English, ok? I like very much the both that I readed to day: it was the first time The first is about answer and replay very interesting, to have it in my copybook and about the coffee. I know very many people that deink to much coffee all the day long, I will sen this to them. they have to take carefull with their health.

  • Isabela

    Olá Mairo Boa tarde! No seu guia definitivo no capítulo ” ESTUDOS BÁSICOS DE COMPREENSÃO ORAL” uma das ferramentas para aprender o inglês é ” Traduções desses textos, de preferência com explicações gramaticais, ou simplesmente explicações gramaticais suficientes para você entender o texto sem uma tradução”. Em todos os seu material aprendendo inglês com vídeo existe a tradução do texto e não uma explicação gramatical. Não entendi.

    • Fabriccio Santos

      As explicações gramaticais são mais necessárias quando não se tem uma tradução. Para falantes de português aprendendo inglês, a tradução, juntamente com dicionários bilíngue, já dão conta do recado para você destrinchar o texto e seguir em frente.