Home Dicas para aprender inglês Como Aprender Inglês Sozinho?

Como Aprender Inglês Sozinho?

33557
1

Aqui é o Mairo Vergara trazendo mais uma dica de inglês. Vamos falar de um assunto bem legal, que é o seguinte: como aprender inglês sozinho. Muita gente vai ao Google e procura: “como aprender inglês sozinho”, “como aprender inglês por conta própria”. Tem muitas pessoas que já fizeram muitos cursos de inglês e decidiram estudar em casa, sozinhos.

Enfim, o que você precisa fazer para aprender inglês sozinho? By the way, só para deixar claro, eu sou professor de inglês, dou aula de inglês, tenho site de inglês, canal no Youtube de inglês, e eu aprendi inglês sozinho, não aprendi fazendo curso de inglês. Embora eu seja formado em letras com especialização em inglês, o meu aprendizado do idioma foi por conta própria.

Eu estava pensando sobre o que falar a respeito de aprender inglês sozinho e, cheguei à conclusão que tem dois fatores essenciais. Se você focar nesses dois fatores vai ter sucesso no seu aprendizado por conta própria.

Aprender a aprender inglês

A primeira coisa que você deve focar: aprender a aprender inglês. Aprender a aprender inglês ou aprender a estudar inglês de forma efetiva. Foque muito em testar diversos métodos. Para aprender inglês sozinho, você tem se transformar em uma pessoa que sabe o que funciona e o que não funciona para aprender inglês. Se você pegar qualquer método de inglês e segui-lo de maneira cega, sem pensar no que está fazendo, não vai aprender inglês se o método for ruim. E caso dê sorte e o seu método escolhido for ótimo, as chances são maiores de você aprender.

Pesquise muito sobre como aprender inglês. Há muito tempo, antes de estudar inglês, eu estudava japonês. E tem muita gente que não sabe disso, quem não me conhece não sabe disso. E teve uma época em 2006, que eu estudei os dois idiomas ao mesmo tempo. Eu perguntava para todo mundo: como é que você faz? Como é que você estuda? Como você aprende gramática? Eu conversava muitos com estudantes, professores, pesquisava na internet e era muito curioso por aprender o que dava certo. Porque eu queria aprender inglês e japonês e queria aprender como poderia fazer isso direito.

E essa curiosidade me transformou em uma pessoa que entende muito de métodos, que sabe o que tem e o que não se deve fazer. E você para aprender por conta própria não precisa virar um superespecialista ou um professor, mas, tem que entender o que funciona e o que não funciona.

Hoje em dia, em 2015, é muito mais fácil para fazer isso. Na internet, você encontra milhões de canais no Youtube, páginas no Facebook, blogs, artigos, ou seja, tem muita informação para você pesquisar.

No Youtube, você encontra canais de muitos poliglotas, pessoas que falam 12 línguas, e você pode ver o que eles fazem e ir testando. Se baseie em métodos de poliglotas, que não são a toa. Eles não nasceram com o dom para falar doze línguas, eles aprenderam e utilizam bons métodos. Os poliglotas não são gênios e nem nada disso. Se você quiser ser um poliglota, pode ser também.

Enfim, foque nisso. Pesquisa, aprenda e vá descartando os métodos ruins e aplicando os métodos bons. E aos poucos, você vai desenvolvendo o seu próprio método, o que é muito importante também. No final das contas, cada pessoa vai ter um método diferente, sendo que o seu é diferente do meu, que é diferente do método de qualquer outra pessoa.

A questão é que você pegando algumas coisas em diversos lugares vai  transformar tudo em um pacote, que será o seu método pessoal. Mas, você tem que pegar os pedaços que funcionam, porque se juntar um monte de coisas que não funcionam, o seu método também não vai resolver. Resumindo, a primeira condição é aprender a aprender inglês e estar constantemente revisando e buscando estar estudando de uma forma eficiente.Esse é o primeiro fator para aprender inglês sozinho.

Dedicação e regularidade

O segundo fator essencial é dedicação e regularidade. O que eu dizer com isso? Estudar todo santo dia. Isso é certo, tem que estudar todo o dia. Mas, não é estudar seis, sete horas por dia, dedique meia-hora ou até uma hora por dia que está perfeito.

Se você começar agora a estudar inglês por uma hora por dia, todo o dia, nos próximos seis meses, pode voltar nesse vídeo para deixar um comentário. Eu tenho certeza que o seu comentário vai ser: “Mairo, eu aprendi muito inglês nos últimos seis meses”.

Porque quando você estuda todo dia, a intensidade tende a não dar certo. Não adianta fazer um curso de inglês no sábado de manhã, 12 horas de inglês, isso não dá certo. Você tem que pegar essas 12 horas e dividir ao longo dos dias. Então, uma hora na segunda, uma hora na terça, uma hora na quarta, e assim sucessivamente. É a regularidade que faz o seu inglês bombar.

Se você fizer isso por duas semanas e ficar 2 dias seguidos sem estudar inglês vai parecer que o seu cérebro, que estava funcionando em inglês nos últimos 15 dias, perdeu todas as informações só nesses 2 dias sem estudo. Você já deve ter vivido esse efeito. Você fez alguma coisa por vários dias e quando parou, houve uma “abstinência”, quase uma abstinência do inglês”.

Enfim, é muito importante que você mantenha a regularidade e combine esses dois fatores: você sempre procurando os métodos que funcionam, aprender o que dá certo no estudo do inglês e descartar o que não dá, e juntar com estudo diário. E não precisa ser necessariamente uma hora, se você tem 20 minutos faça em 20 minutos, se tem mais de uma hora, estude mais de uma hora. Mas, não faça demais. Não faça quatro horas por dia, que você não irá aguentar muito e pode acabar desistindo. Uma hora por dia é mesmo o tempo ideal.

Então, junte os dois: saber bons métodos e estudar regularmente. Não tem erro, você vai aprender inglês. Você vai progredir muito mais rápido do que se fizer a aula no sábado de manhã de 12 horas na escola de inglês. Espero que esse vídeo tenha ajudado. Eu tentei resumir aos dois conceitos essenciais, existem até outros fatores, mas, se você focar em implementar esses dois conceitos vai ter resultado garantido.

Receba o Resumão da Semana!

Quer receber um "Resumão da Semana" todos os sábados no seu e-mail com todos os nossos materiais e conteúdos da semana?

Jamais enviaremos e-mails não solicitados (spam)! Powered by ConvertKit